Publicado em 11 de julho de 2016 por

Ato no Recife acontecerá na quarta-feira

20160711112051520328eFoto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula

Quase um mês após a presidente afastada Dilma Rousseff (PT) ter feito uma visita ao estado para defender seu mandato, hoje será a vez de seu padrinho político, o ex-presidente Lula, desembarcar em solo pernambucano. O petista inicia uma série de visitas pelo Nordeste. Além de Pernambuco, onde participou de ato público pela última vez há pouco mais de dois anos, também estão no roteiro os estados da Bahia e do Ceará. O objetivo é o fortalecimento da base de apoio a Dilma na região e, em algumas cidades, discutir o cenário para as eleições de outubro. Leia Mais Lula retoma hoje investidas no Nordeste

Publicado em 11 de julho de 2016 por

4.LULA VISITA PETROLINA, CARUARU E RECIFE

3 Opinião

A nova agenda do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva em Pernambuco tem início hoje. O petista chega à noite em Petrolina, no Sertão, para participar um ato público e onde fica também na terça (12). Na quarta (13), ele viaja a Caruaru, no Agreste, e em seguida ao Recife. Leia Mais Programa Opinião

Publicado em 11 de julho de 2016 por

3.PARA EVITAR RACHA NA BASE ALIADA, PLANALTO QUER RODÍZIO AMIGÁVEL NO COMANDO DA CÂMARA

3 Opinião

Diante do risco de racha na base aliada, o governo vai patrocinar a tentativa de um acordo para um “rodízio amigável” no comando da Câmara. Auxiliares de Michel Temer se movimentam para que, em reunião na terça (12), líderes da base fechem um nome para o mandato-tampão –de preferência, o de Rogério Rosso (PSD-DF) — e concordem em deixar para PSDB, DEM e PPS, que formam um bloco informal, a presidência em 2017. Os tucanos já sinalizaram que topam o arranjo. Leia Mais Programa Opinião

Publicado em 11 de julho de 2016 por

2.LERO REUNE-SE COM GENA LINS E EVILÁSIO, E UNIDADE CALABAR AINDA PODE ACONTECER

3 Opinião

Diante da perspectiva concreta de perder a eleição deste ano para o arquiadversário Jânio Arruda, lideranças do grupo Calabar, que hoje estão em litígio no processo de definição do candidato a prefeito da Situação, reuniram-se no último sábado. Leia Mais Programa Opinião

Publicado em 11 de julho de 2016 por

1. FORMAÇÃO DE CHAPINHAS CRIAM CONFLITOS NA OPOSIÇÃO E SITUAÇÃO

3 OpiniãoA montagem de chapinhas nas eleições proporcionais deste ano está criando conflitos tanto na Oposição quanto na Situação em Santa Cruz do Capibaribe. Leia Mais Programa Opinião

Publicado em 10 de julho de 2016 por
michel_temer_by_abrTemer completa 60 dias à frente do Planalto na próxima terça-feira e a tarefa é evitar que a base aliada rache com a sucessão de Eduardo Cunha na presidência da Câmara.

Na próxima terça-feira, quando completará 60 dias de interinidade à frente do governo federal, o presidente em exercício Michel Temer (PMDB) estará diante do seu maior desafio político até agora: evitar que a base aliada que o apoia na Câmara rache de vez entre Centrão e Centrinho na disputa pela sucessão de Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Os sinais emitidos até o momento são desanimadores para o Planalto. O primeiro grupo, formado pelas legendas mais próximas ao presidente afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), elegeu o líder do governo na Casa e quer, novamente, fazer valer a própria maioria sobre o Centrinho, composto por PSDB, DEM, PPS e PSB. Leia Mais Temer enfrenta o maior desafio em dois meses de governo

Publicado em 8 de julho de 2016 por
Publicado em 8 de julho de 2016 por
silvio_avelino(Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados)

Líderes anteciparam em 2 dias eleição marcada pelo presidente em exercício. Silvio Avelino foi demitido por ter participado da reunião com lideranças.

O presidente em exercício da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), exonerou nesta sexta-feira (8) o secretário-geral da Mesa Diretora, o servidor Silvio Avelino, em retaliação ao fato de o subordinado ter participado, na véspera, da reunião na qual líderes partidários desautorizaram sua decisão de convocar para a próxima quinta (14) a eleição que escolherá o sucessor de Eduardo Cunha (PMDB-RJ). No encontro, os líderes anteciparam para terça-feira (12) a definição do presidente para o mandato tampão. Leia Mais Após ser desautorizado por líderes, Maranhão exonera secretário-geral