Publicado em 2 de agosto de 2017 por

Time de Zé Roberto erra muito e é derrotado por 3 a 0 para campeãs olímpicas na estreia pela fase final do Grand Prix. Brasil entra pressionado contra a Holanda nesta quinta.

Brasil sofre contra donas da casa e perde para China um ano após queda no Rio Brasil enfrentou dificuldades desde o início (Foto: Reprodução/FIVB)

O desafio era dos mais tensos. Jogo em Nanjing contra as donas da casa, atuais campeãs olímpicas e algozes do Brasil nas quartas de final da Rio 2016. Uma China que manteve a base, contra um Brasil ainda em reformulação depois da derrota olímpica. Os ingredientes eram todos favoráveis às donas da casa, que souberam se impor e venceram por 3 sets a 0 (25/22, 25/17 e 29/27) no primeiro duelo do time de Zé Roberto na fase final do Grand Prix.

O resultado obriga o Brasil a vencer o duelo com a Holanda, às 8h30 (de Brasília), com transmissão da Rede Globo e Globoesporte.com. O time forma ao lado da China e da Holanda o Grupo J da fase final do Grand Prix. As equipes se enfrentam dentro dos seus respectivos grupos e as duas melhores de cada chave passarão à fase semifinal. Se vencer, o Brasil espera o resultado de China x Holanda na sexta-feira, às 8h30. Leia Mais Brasil sofre contra donas da casa e perde para China um ano após queda no Rio
Publicado em 23 de novembro de 2016 por

Em acusação contra a família do craque e dirigentes, DIS pede à Justiça da Espanha que ele seja condenado a cinco anos e fique sem jogar futebol durante esse período

Neymar deixa tribunal Espanha (Foto: REUTERS/Sergio Perez)Neymar ao prestar depoimento em fevereiro: Promotoria e DIS pedem a prisão do craque (Foto: Reuters /Sergio Perez)

A Justiça da Espanha recebeu nesta quarta-feira a acusação formal por parte da DIS contra Neymar, a família do craque e dirigentes de Santos e Barcelona por corrupção. Nela, o fundo de investimento pede que o camisa 10 da Seleção seja condenado a cinco anos de prisão e fique impossibilitado de jogar futebol durante esse período. Já a promotoria requisitou dois anos de prisão e € 10 milhões (R$ 35,9 milhões) de multa para o atacante brasileiro. A notícia vem a público horas antes de ele ir a campo com o Barça para encarar o Celtic pela Liga dos Campeões – em jogo na Escócia que o GloboEsporte.com transmite ao vivo a partir das 16h45.

Além disso, o fundo de investimento quer uma indenização entre € 159 e € 195 milhões (R$ 571 a R$ 700,3 milhões) por conta da transferência do jogador para o futebol espanhol em 2013. Os dirigentes do Barcelona também estão na mira da DIS, que pede oito anos de prisão para o atual presidente do Barcelona, Josep María Bartomeu, e seu antecessor no cargo, Sandro Rosell. Leia Mais Promotoria pede dois anos de prisão e multa de R$ 36 milhões a Neymar

Publicado em 22 de novembro de 2016 por

Evento ocorrerá no dia 16 de dezembro, às 20h, na quadra poliesportiva da cidade

Será realizada em Toritama no dia 16 de dezembro a 49ª edição do GFC (Grand Fighting Championship), um evento que reúne lutadores de MMA (Artes Marciais Mistas). A competição contará com a participação de 14 atletas de Pernambuco e da Paraíba, e terá duas disputas de cinturões.

O GFC é organizado pelo lutador de MMA Evandro Silva. O evento ocorrerá às 20h, na quadra poliesportiva de Toritama, localizada na Rua Rita Maria do Carmo, Bairro Independente. Os ingressos custam: R$20 arquibancada, R$30 vip, e R$200 mesa prime. Para mais informações sobre a venda de ingressos, entrar em contato pelo telefone: (87) 99612-5848. Leia Mais MMA: Toritama sediará 49ª edicão do Grand Fighting Championship

Publicado em 13 de setembro de 2016 por

 

Terezinha Guilhermina (Foto: Fernando Maia)Descrição da imagem: Terezinha Guilhermina cruza linha de chegada com melhor tempo nos 200m (Foto: Fernando Maia)

A terça-feira, o sexto dia de competição nos Jogos Paralímpicos, tem destaques individuais e coletivos ao Brasil. No atletismo, Terezinha Guilhermina terá a hora da verdade: disputa a final dos 200m T11. André Brasil, na natação, tentará a sua segunda medalha na Rio 2016, agora nos  100m livre masculino S10. Danielle Ruen e Bruna Alexandre podem conquistar o bronze no tênis de mesa. Leia Mais Finais de Terezinha e André Brasil e decisão nos esportes coletivos: o dia 6

Publicado em 11 de setembro de 2016 por

Angela Madsen perdeu tudo ao ficar paraplégica aos 20 anos, mas conseguiu se reinventar através do remo e do atletismo, onde foi 7ª no Rio: ”Daria um bom filme”

atletismo angela madsen (Foto: Al Tielemans / OIS / IOC /  AFP)Descrição da imagem: Angela Madsen se esforça ao empunhar o dardo (Foto: Al Tielemans / OIS / IOC / AFP)

Primeiro veio a maternidade precoce. Depois, um acidente que a deixou paraplégica. Ficou sem dinheiro, sem casa, sem perspectiva. A verdade é que a história que levou Angela Madsen para o esporte daria um filme dramático. Não por acaso, a própria atleta paralímpica tentou colocar sua vida em páginas ao lançar um livro recentemente. Aos 56 anos e calejada por uma trajetória tortuosa, se considera vitoriosa. Famosa principalmente pelas aventuras e recordes impressionantes como remadora em águas abertas, a americana está em sua terceira Paralimpíada, desta vez, no atletismo. O sorriso após deixar o campo do Engenhão evidenciava que a sétima colocação no lançamento do dardo no Rio foi o que menos importava. Leia Mais De sem teto ao Guinness: americana de 56 anos ainda quer surfe nos Jogos

Publicado em 10 de setembro de 2016 por

Múltipla Falência dos Sistemas vem comprometendo os movimentos da nadadora brasileira, que subiu ao pódio no 4x50m livre misto no Rio: “Minha luta é diária”

Revezamento Brasil Susana (Foto: Ag Estado)Descrição da imagem: ao lado de Clodoaldo, Joana e Daniel, Susana levanta os braços no pódio e comemora a conquista da inédita medalha de prata no revezamento 4x50m livre misto (Foto: Ag Estado)

Susana Schnarndorf vive um dia de cada vez. É a forma que tem encontrado para lidar com uma grave doença degenerativa, que vem comprometendo funções importantes do seu corpo ao longo dos últimos anos. Na noite desta sexta, a inédita e sonhada medalha paralímpica, nos Jogos do Rio, fez valer cada minuto de esforço. Com o avanço da síndrome, a atleta gaúcha de 48 anos tem perdido gradativamente a coordenação motora e precisou reaprender a nadar para subir ao pódio ao lado de Daniel Dias, Clodoaldo Silva e Joana Neves, com a prata no revezamento 4x50m livre misto até 20 pontos.  Leia Mais Com doença grave, Susana reaprende a nadar e festeja prata: “Nunca desisti”

Publicado em 8 de setembro de 2016 por

Dona de quatro medalhas, senhora Márcia Malsar se desequilibra debaixo de chuva e recebe apoio da torcida presente no estádio durante a cerimônia de abertura

Marcia Malsar perdeu o equilíbrio e acabou caíndo com a tocha no Maracanã (Foto: Reuters)Marcia Malsar perdeu o equilíbrio e acabou caindo com a tocha no Maracanã (Foto: Reuters)

A cerimônia de abertura da Paralimpíada do Rio emocionou a todos os presentes no Maracanã. Em um dos momentos mais comoventes da noite, a ex-atleta Márcia Malsar participou do revezamento da tocha dentro do estádio. Debaixo de chuva e com ajuda de uma bengala, ela se desequilibrou durante seu percurso e caiu. Na mesma hora, o público a aplaudiu de pé. A atleta, que tem paralisia cerebral, levantou e concluiu seu trajeto de forma emocionante. Leia Mais De bengala, ex-atleta cai com a tocha, é aplaudida e emociona o Maracanã

Publicado em 8 de setembro de 2016 por

Presidente foi à cerimônia ao lado da primeira-dama, Marcela Temer.
Jogos Paralímpicos foram abertos nesta quarta e vão até 18 de setembro.

O presidente Michel Temer recebeu muitas vaias e poucos aplausos na cerimônia de abertura da Paralimpíada, na noite desta quarta-feira (7), no Maracanã.

Temer foi anunciado pelo presidente do Comitê Paralímpico Internacional, pouco antes das 21h10. Logo após o nome ser dito no microfone, começaram as vaias, que continuaram durante a breve fala do presidente: “Declaro abertos os Jogos Paralímpicos de 2016”, disse. As duas primeiras palavras da frase de Temer não saíram no autofalante do estádio.

Em seguida, um coro de “Fora, Temer” foi ouvido no Maracanã. Algumas pessoas aplaudiram o presidente.

Por meio da assessoria de imprensa, a Presidência da República informou que “as manifestações fazem parte de um regime democrático e o governo vai conviver com ela”. “Isso [protesto] faz parte e é natural”, disse a assessoria. Leia Mais Temer recebe muitas vaias e poucos aplausos na abertura da Paralimpíada

Publicado em 22 de agosto de 2016 por

Speedo vai doar 50 mil dólares que seriam destinados ao nadador para crianças do Brasil, e Ralph Lauren garante que não irá renovar o contrato com Lochte

2016-08-18t234808z_1007810001_lynxnpec7h1h6_rtroptp_4_sports-us-olympics-rio-lochte-sponsorsRyan Lochte utilizava óculos, sungas e tocas na Speedo (Foto: Michael Dalder/Reuters)

Na manhã desta segunda-feira, Ryan Lochte voltou a ser notícia no mundo. Após falsamente alegar que foi vítima de um assalto no Rio de Janeiro, o nadador americano perdeu o patrocínio da marca australiana Speedo. A ABC News divulgou a nota oficial da empresa, que, por sua vez, afirma não poder compactuar com o comportamento do atleta, apesar de anos de parceria. Leia a nota na íntegra. Leia Mais Após polêmica na Rio 2016, Ryan Lochte perde dois patrocínios oficiais

Publicado em 21 de agosto de 2016 por

“Foi um prazer enorme poder jogar futebol nesse país tão receptivo e com um povo tão alegre”, diz o volante Robert Bauer, que fez gesto citando a semifinal de 2014

Robert Bauer sinal 7 a 1 Brasil x Alemanha (Foto: Reuters)Robert Bauer relembrou o 7 a 1 após Brasil x Alemanha (Foto: Reuters)

Na derrota para a Seleção na final olímpica do futebol, o volante alemão Robert Bauer não perdeu tempo e, com as mãos, fez uma referência ao 7 a 1. A provocação não pegou bem com a torcida brasileira e, pouco tempo após o duelo deste sábado no Maracanã, o jogador do Ingolstadt vestiu a camisa da Seleção e se retratou com uma mensagem no Instagram. Leia Mais Alemão se desculpa após provocação pelo 7 a 1: “Agi de forma emocional”

Publicado em 21 de agosto de 2016 por

Depois de quase ter sido eliminada na primeira fase e dos sustos com lesões, seleção deixa para trás a longa fase do “quase” para ser tricampeã dentro do Maracanãzinho

Final - Brasil x Itália - Rio 2016 (Foto: Getty Images)Lucarelli abraça Bruninho na comemoração da conquista da medalha de ouro (Foto: Getty Images)

A volta dourada no tempo estava programada para 2004. Era aquela cor de medalha que o Brasil queria repetir depois da prata em Pequim 2008 e Londres 2012. Remanescente da geração de Atenas, Serginho, de 40 anos, foi convencido a deixar a aposentadoria e emprestar um pouco daquele espírito à seleção da Rio 2016. Inspirada pelo veterano, a equipe coroou a recuperação olímpica diante de um Maracanãzinho lotado. No grand finale deste domingo, mostrou quem mandava ali. Conseguiu se impor e fez a torcida lembrar dos velhos e bons tempos, vencendo a Itália por 3 sets a 0 (25/22, 28/26 e 26/24). Leia Mais Firme, forte e dourado: Brasil bate Itália e volta ao topo olímpico após 12 anos

Publicado em 21 de agosto de 2016 por
Publicado em 19 de agosto de 2016 por
Serginho Brasil x Argentina vôlei rio 2016 (Foto: Divulgação FIVB)Serginho comemora a ida à semifinal (Foto: Divulgação FIVB)

Por mais que tente, Serginho não consegue até hoje entender a reviravolta naquele jogo contra a Rússia na final olímpica de Londres 2012. O Brasil estava com a medalha de ouro nas mãos e viu Muserskiy dar início a uma improvável reação. Quatro anos depois, as equipes vão se reencontrar. Não numa decisão, mas por um lugar nela. O líbero vai estar em quadra novamente. O gigante de 2,18m, não. Foi cortado às vésperas do embarque para o Rio, com uma lesão. Para o confronto desta sexta-feira, às 22h15, no Maracanãzinho, ele tem a receita.   Leia Mais Brasil pega Rússia na semi, e Serginho recomenda: “Enfiar o pau no saque”

Publicado em 19 de agosto de 2016 por

Nadador americano disse não saber motivo de declarações de Ryan Lochte.
Jack Conger e Gunnar Bentz deixaram o país na noite de quinta-feira (18).

Imagens das câmeras de segurança de um posto de gasolina na Avenida das Américas, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, mostram o momento da confusão entre os nadadores americanos e seguranças do estabelecimento. (Foto: Reprodução / TV Globo)Imagens das câmeras de segurança de um posto de gasolina na Avenida das Américas, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, mostram o momento da confusão entre os nadadores americanos e seguranças do estabelecimento. (Foto: Reprodução / TV Globo)

O nadador americano James Feigen prestou novo depoimento à Polícia na noite desta quinta-feira (18) e pediu desculpas à polícia pelo transtorno e pela repercussão causada por toda a polêmica. Após pagar multa, ele pode voltar aos Estados Unidos um dia depois de seus companheiros já terem sido liberados. Gunnar Bentz e Jack Conger embarcaram na noite desta quinta. As informações são do Bom Dia Rio. Leia Mais Feigen pede desculpas e tem que pagar R$ 35 mil para voltar aos EUA

Publicado em 19 de agosto de 2016 por

Ryan Lochte disse que ele e mais 3 atletas foram roubados após uma festa.
A polícia do Rio apurou e concluiu que a história foi inventada; entenda.

O nadador Ryan Lochte durante cerimônia de premiação na Olimpíada do Rio (Foto: Reuters)O nadador Ryan Lochte durante cerimônia de premiação na Olimpíada do Rio (Foto: Reuters)

A polícia do Rio de Janeiro investiga se quatro nadadores americanos – Ryan Lochte, James Feigen, Gunnar Bentz e Jack Conger – foram assaltados no último domingo (14). Como foram dadas diferentes versões do caso, autoridades suspeitam que a história foi inventada pelos atletas, o que configuraria falsa comunicação de crime.

Leia Mais Veja a cronologia do caso dos quatro nadadores americanos no Rio